Header Ads


BOM JARDIM – MA: SINCERP REPUDIA BARBÁRIE DO PREFEITO FRANCISCO E VEREADORES ALIADOS.


O Sindicado dos Servidores Públicos Municipais de Bom Jardim, manifestou na manhã desta quarta-feira (29/03) veemente repúdio ao Prefeito Dr Francisco Araújo e vereadores aliados, pela aprovação da Lei do Veto, que revogou o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos Servidores Públicos do município, na sessão da câmara, realizada na última terça-feira (28/03).



Veja a nota na íntegra:

NOTA DE REPÚDIO:

O SINSERP-Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Bom Jardim vem em nome de toda a categoria demonstrar veemente desprezo a atitude vergonhosa do prefeito Francisco Alves de Araújo que em conjunto com o presidente da Câmara Duvan Boiadeiro e com os vereadores Cesarino, Clebson, Dandor, Filho, Homero e Lebreu, empreenderam um verdadeiro assalto aos direitos dos funcionários públicos acabando com o PLANO DE CARGOS E
CARREIRAS conquistado com muitas lutas.

Dessa forma o prefeito começa a concretizar seu plano maligno de retirada de direitos conquistados , demonstrando a todos que é movido pela ganancia, ódio e sede de poder. Ainda neste sentido, ficamos impressionados com a postura de alguns vereadores que deveriam se comportar como defensores do povo e não capachos do prefeito que juntos planejaram e executaram este plano maquiavélico de perseguição aos servidores públicos com direito a comemoração de tal ato infame e desrespeitoso com a sociedade bonjardinense.


Gostaríamos que o mesmo empenho que o Prefeito emprega em perseguir direitos trabalhistas, ele tivesse em resolver os problemas que assolam o nosso município que já recebeu mais de 16 MILHÕES DE REAIS EM SUAS CONTAS. Mesmo diante de tanta perseguição nós não vamos desistir de nossas lutas para que os nossos representantes pratiquem a tão falada Politica Nova que respeita o povo, pois o povo não é mais o mesmo, passivo e silencioso, mas sim atento e com acesso a informação. A sociedade mudou. Que os poderes instituídos mudem também. Porque do jeito que está não dá pra continuar.


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.