Header Ads


BOM JARDIM – MA: VASA DOCUMENTO QUE PREFEITO OFERECEU VANTAGENS A TÉCNICOS EM ENFERMAGEM PARA RECEBER VOTO DA CATEGORIA.

Foto: Redes Sociais

Se espalhou pelas redes sociais, um documento com a assinatura do Prefeito de Bom Jardim Drº Francisco Araújo (PSDB), no qual ele deixa claro que está oferecendo vantagens caso fosse eleito. Trata-se de um termo de compromisso com os técnicos em enfermagens.

É importante que seja lido com bastante atenção, pois muitas das vantagens oferecidas, ainda não se pode ver na pratica, deve ter sido por isso que esse documento vazou para se ter uma comprovação que o Prefeito não vem cumprindo com suas promessas de campanha, assim entendemos que o caos no município está a penas no começo.

O que deixa a população ainda mais revoltada, é saber que o Prefeito é médico e mesmo assim, vem deixando os técnicos de enfermagens sem seus direitos, direitos que ele (o Prefeito) garantiu e assinou para que todos acreditassem que realmente ele iria colocar em prática.  

O texto se inicia da seguinte forma: eu Francisco Alves de Araújo, candidato a prefeito de Bom Jardim, se eleito prefeito desta cidade.

Para a gestão que se inicia em janeiro de 2017, me comprometo a cumprir as seguintes propostas:  

Definir data de pagamento dos profissionais até o 5º dia útil de cada mês.

Favorecer ao técnico em enfermagem adequação na carga horária de trabalho, caso o mesmo decida estudar.

O comprimento da lei 641/ 2016.

Insalubridade de 40% para os plantonistas de todos os setores emergências, sala de parto e centro cirúrgico, bem como adicional noturno.

Repouso ao profissional, técnico e auxiliar em enfermagem, com direito a 2 horas, de descanso sendo dividido para a dupla, nos plantões de 12 horas.

Receber dobrado em férias, dias santos, e em caso de ausência do colega!

Livro de frequência no setor administrativo e acessível durante 24 horas.

Diária para viagem no valor de um plantão para encaminhamento de paciente para a capital e 1/2 do plantão para viagem intermunicipal, sendo que as viagens para a capital do estado o pagamento seja feito em mãos para custos com alimentação do profissional, e as intermunicipais sendo depositados no mês seguinte.

Implantar serviços de embalsamento, e/ou preparação de corpo, bem como limpeza do cadáver. Para óbitos ocorridos no hospital municipal, em domicílio ou qualquer outra localidade não seja de obrigatoriedade ou responsabilidades dos técnicos ou auxiliares em enfermagem a preparação do mesmo, que seja de única e exclusiva responsabilidade da funerária.

Reforço policial no setor hospitalar nos plantões noturnos.
Promover capacitação para aprimoramento do profissional.

Bom Jardim, MA 28 de setembro de 2016.
Vale lembrar que o documento contém a assinatura do agora Prefeito Drº Francis Alves de Araújo e foi recebido pela categoria em 29 de setembro de 2016.

Nenhuma dessas promessas ainda não foram cumpridas, agora resta saber qual será o posicionamento do ministério público sobre o assunto. Pois para a justiça isso se configura como Captação ilícita de sufrágio.


  


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.